Indique este site

Habilidades e Competências

Como identificar o grau de comprometimento da sua equipe

Do latim compromissus, o termo comprometimento indica o ato de fazer uma promessa recíproca, ou seja, é sinônimo de compromisso e requer responsabilidade da parte de quem se compromete.

[VEJA TODAS]

Newsletter

Cadastre-se em nossa Newsletter e receba as novidades e notícias da Scritta.

Veja todas as Newsletter

Enquete

De acordo com o artigo “Os discursos na polêmica do novo livro didático”: Você concorda que o MEC deve defender a língua popular, ainda que com “erros”?


Já votou!     Resultados

Mural de Recados

"Eu, Manoel Jesus, quero agradecer de coração, esse maravilhoso convite, para me recadastrar, na &quo..."

Manoel Jesus, pessoa física

"Agradecimento:
O curso de redação empresarial é útil para o funcionário e para a empresa: a c..."

Moacir Laurenço de Jesus, CNAC

"Laila, achei o treinamento de Comunicação Oral e Escrita excelente. Parabéns pelo seu trabalho...."

Cleidian, Cyrela

Veja todos os recados Deixe o seu recado

Analisar ou analizar?

Revisado - Reforma Ortográfica

Analisar ou analizar? Pesquisar ou pesquizar? Legalisar ou legalizar? Normalisar ou normalizar?

 

Quando usar as terminações “-isar” e “-izar”?

 

Analisar ou analizar? Pesquisar ou pesquizar? Legalisar ou legalizar? Normalisar ou normalizar?

Dúvidas como estas são muito comuns principalmente porque são nesses momentos, como em outros tantos, em que “s” tem o mesmo som de “z”. Embora pronunciadas do mesmo modo, estas letras têm lugar certo para serem colocadas, e a regra é simples: basta atentar para a palavra que originou a derivação.

Por exemplo, “análise” é a palavra primitiva. Como é escrita com “s”, todas as suas derivações manterão esta letra: “analisabilidade”, “analisável”, “analisado” e, inclusive, “analisar”. Em “pesquisa” também aparece o “s”; portanto, o correto também só pode ser “pesquisar”.

Agora, do outro lado, “legal” e “normal” não podem gerar “legalisar” e “normalisar” porque não possuem o “s” originalmente. A solução é acrescentar o “z” em todas as palavras derivadas: “legalizado”, “legalização” e “legalizar”; “normalizável”, “normalização” e, claro, “normalizar”.

Deu para se atualizar?

 

Publicado em: 20/04/2011

Autor: Bruna Moreno

[Voltar]

Destaques

Depoimentos

"Muito bom! Irá agregar muito no trabalho e na vida...."

Viviane - Liberty Seguros

"Gostei muito e aprendi muito mais do que esperava...."

Elaine - Liberty Seguros

"O curso atende o que é proposto. As dicas são eficientes e aplicáveis ao dia a dia...."

Débora Vieira - Liberty Seguros

Veja todos os depoimentos

Twitter

  • Orkut
  • Linkedin
  • Twitter

Rua Odila Maia Rocha Brito, nº 169 – Bairro Nova Campinas - Nova Campinas - Campinas/SP CEP: 13092-110 Tel: (19) 3254-6364

Scritta | Cursos de Redação Empresarial - Todos os direitos reservados. Desenvolvido por Publiweb