A grande maioria dos concursos públicos inclui, em determinada etapa de seu processo seletivo, uma redação, que tem um peso muito importante na nota final e, consequentemente, na seleção dos candidatos.

A grande maioria dos concursos públicos inclui, em determinada etapa de seu processo seletivo, uma redação, que tem um peso muito importante na nota final e, consequentemente, na seleção dos candidatos. A preparação para essa prova de redação oficial passa por uma leitura atenta do Manual de Redação da Presidência da República. No entanto, dicas simples podem ajudar muito no resultado final do texto.

Comece a prova pela redação.
Com a cabeça mais descansada, o candidato tem mais chances de conseguir pensar com clareza e de produzir uma boa redação oficial. Deixar o texto para depois das perguntas alternativas pode ser danoso, uma vez que a pressão do tempo pode ser uma barreira a mais na hora de expor as ideias.

Leia atentamente o tema proposto.
Uma interpretação errada da proposta levará o candidato a produzir um texto inapropriado, que pode até ser anulado, caso fuja demais do tema. Portanto, leia duas ou três vezes o tema da redação oficial.

Todo texto tem introdução, desenvolvimento e conclusão.
Se o concurso pedir na prova de redação, por exemplo, a elaboração de um Ofício que recomende a opção pela compra de um determinado produto, o parágrafo inicial deverá contextualizar a situação, os seguintes deverão apresentar os argumentos da escolha e o último a conclusão. Lembre-se de que, na argumentação, é sempre válido inserir exemplos para fortalecer cada ponto exposto.

Preste atenção sempre a esses pontos. O bom resultado de sua prova de redação oficial certamente passa por essas etapas.

Quer mais dicas sobre redação oficial? Acesse nosso site: www.redacaooficial.com.br

Autor: Luciano Valente