Você sabia que quem faz perguntas aos outros é mais querido?

Qualquer pergunta? Bem, já te explico. Mas antes, vamos entender a importância da comunicação no ambiente de trabalho?

Em sua opinião, causa melhor impressão quem fala mais que ouve, ou quem só escuta e faz perguntas? E quando falamos de um momento descontraído no trabalho, por exemplo?

Talvez você ache que é sempre melhor a primeira opção, “liderar” a conversa. Mas um estudo da Harvard Business School revela que a pessoa que faz as perguntas geralmente é mais querida pelos outros, principalmente na hora do primeiro contato, a apresentação.

Isso porque, segundo o estudo, as pessoas que passam a maior parte da conversa falando sobre seus próprios pontos de vista tendem a se autopromover, já as que fazem perguntas são percebidas como mais receptivos e são mais apreciados.

Então, quais são as perguntas?

As perguntas ideais para se fazer são as questões de acompanhamento, ou seja, aquelas que pedem mais informações sobre algo que está sendo dito. E dá para entender o porquê, esse tipo de pergunta mostra que você está prestando atenção na fala do outro.

E o mais importante do estudo foi demonstrar que o que as pessoas mais querem é ser ouvidas, mas nem todo mundo quer ouvir.

Tudo isso para dizer que manter o foco em nós mesmos durante uma conversa, seja ela dentro da empresa ou fora dela, não é uma boa estratégia para causarmos uma boa impressão.

E como fazer uma boa apresentação?

Para fazer uma boa apresentação você deve expressar suas ideias de maneira clara, objetiva, com uma articulação lógica, e saber exatamente quais palavras usar.

Não sabe como fazer isso? Então veja aqui!